10.2.10

Recessionismo é tendência

Vocês já ouviram falar em recessionismo? A palavra é nova e tem origem desconhecida , mas foi difundida por Mary Hall, uma gerente de marketing da IBM de Los Angeles, que criou um blog onde dá dicas sobre como economizar com moda e beleza. A partir daí a ideia foi difundida pelo mundo inteiro e inspirou várias meninas a fazer o mesmo e agora eu ( ou alguém sabe de outro blog masculino parecido?) que tento dar dicas aos boys de como economizar com moda.

Recessionismo é a palavra que designa a prática do consumo consciente, sem deixar o bom gosto de lado. Logo recessionista é a pessoa que pratica o consumo consciente sem perder o estilo.


Você é recessionista? Eu sou e olha: aprendi isso desde pequeno.Veja a roupa que uso:





A camiseta já apareci com ela aqui duas vezes, a bermuda usei no post passado e já foi uma calça, o tênis é o mesmo de sempre, básico e combina com tudo e a mochila é a única que tenho. O que isso quer dizer ? Que quando você tem informação aprende que para vestir-se bem não precisa ser rico ou endividar-se para acompanhar as tendências. Repetir roupa não é feio! o que vale é o estilo pessoal.

É preciso ter informação para consumir de forma consciente,para isso vão as dicas de alguém que aprendeu isso para driblar a falta de recursos finaceiros :

1. Compre peças básicas e com cores neutras: camiseta branca, pretacinza; jeans básico sem lavagens, calça social preta ou rica de giz, blazer preto ou azul marinho, camisa social branca ou azul claro, sapato social preto ou marrom bico redondo (nunca sai de moda), tênis Converse azul marinho, preto ou branco, jaqueta jeans etc.


2. Escolha um marca que prime pela qualidade, bom preço e que o caimento das roupas fiquem bem em você, isso evita gastos em consertos. Ah! e que ofereçam serviços de reparos, muitas lojas fazem isso. Informe-se antes de comprar.

3 . Não compre roupas assim que surgem as tendências, é difícil de encontrar e quando você acha os preços são altíssimos. Espere a poeira baixar.

4. Evite dar ou jogar fora roupas que você gosta,mas que não estão na moda. A moda é cíclica.O que é cafona agora pode ser trend daqui as 6 meses.

5. Costumize. Toda peça velha pode ser transformada em algo moderno . Por exemplo: se você apertar a perna do seu jeans básico ele vira uma skinny; se você trocar o cadarço de seu tênis por um cadarço neon ou modificar a amarração ele ganha cara nova;se cortar as mangas da jaqueta jeans vira um colete.Não sabe fazer nada disso ? Procure uma costureira,elas trabalham com preços camaradas!


6. Compre roupas em brechós ou mercados de pulgas. A tendência vintagem está com tudo. Procure mixar as peças vintages com algo moderno, assim não fica com cara de novela de época.



7. Visite o guarda- roupa do seu pai. O mocassim e o dockside estão com tudo, ele certamente tem um, as camisas jeans também. Ou pegue emprestado do irmão ,mas tenho mais zelo do que com suas peças.


8. Só compre peças básicas em liquidações, peças que são tendência em uma estação pode não ser nas próximas.E só compre tamanho maior se a loja oferecer serviços de reparos.


9. Evite comprar muitas peças no mesmo dia. As lojas sempre estão lançando coisas novas e se você é consumista vai se arrepender e quere comprar mais depois.

10. Se você guanha 1 salário mínimo não compre um Nike de 500,00, nem parcelado! Pois,não adianta ter um closet de artitsta e não poder sair para a balada, viajar, comprar livros, ir a pizzaria etc. Ser estiloso é ser feliz!E além do mais quando você compra uma peça que não está de acordo com seu poder aquisitivo ,você alimenta uma indústria que vive da ostentação e da alienação do consumo de massa ,sem se preocupar com a democracia e o bem social. A moda deve ser para todos.Ah!Escolha marcas que tenham responsabilidade ambiental. O planeta agradece!E seu bolso também.

7 comentários:

  1. ótimo post! concordo plenamente como tudo que disse, as pessoas acabam gastando mais do que possuem só pra dizer que estão na moda. Uma coisa que vejo muito onde eu moro, é que as pessoas que não tem um salário mto alto, preferem comprar um celular "fodão" que faz tudo , do que gastar sua grana com passeios, roupas tbm, tanto porque, essas mesmas pessoas andam mal vestidas , sempre sem grana, mas com celular da moda... me diz, pra que?

    Eu sou recessionista então, consumo conscientemente! ;-)

    ResponderExcluir
  2. Caramba, falou e disse nesse post! Informação é fundamental e o equilibrio com as demais coisas é mais importante ainda :D

    ResponderExcluir
  3. Olha eu estou muito Orgulhoso desse post.

    Eu leio um outro blog de moda masculina, onde tudo gira em torno meio que do valor, ou do status.

    Eu tbm não sou rico e não cresci com roupas boas na mão.

    Eu concordo com o recessionismo em gênero, número e grau, e desde que sou seguidor e letiro do EU VOU ASSIM, percebo que os seus post são exemplo de como se vestir bem de forma consiente.

    PS: Eu amo brechós!

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que post maravilhoso, querido. Gostei demais das suas dicas.
    Bjão

    ResponderExcluir
  5. Adorei as dicas querido!!!
    Achei o máximo mesmo! Customizar é tendencia!!!
    Adorei seus comentários no meu blog!!!!
    Camiseta e saia é meu uniforme!!!
    Ah acho que vou no bazareco sim!!!! mas ainda preciso resolver umas coisas! Confirmo na quinta feira!
    bjin

    ResponderExcluir
  6. Amo brechós, especificamente um chamado Capricho a toa! Muitoo bom!

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Adorei o post!
    As dicas são ótemas=)
    Beijos aos montes
    Lou

    ResponderExcluir

Gostou? Compartilhe!